olho de bebé
0-6 meses,  6-12 meses,  Saúde

Com que idade os bebés começam a ver bem?

Como vê um bebé?

A visão do bebé sofre imensas alteração durante o primeiro ano de vida. Veja os marcos de cada mês e o clip que ilustra a intensa evolução dos olhos do bebé.

O recém-nascido vê muito pouco. Habituado ao escuro uterino, o olho do recém-nascido ainda se está a habituar à luz. Com a visão periférica, o recém nascido consegue ver coisas à volta dele, mas a visão central ainda está por desenvolver.

O desenvolvimento da retina começa a permitir ver sombras e luzes. Contrastes de preto e branco ou escuro e claro captam a atenção do bebé.

Entre 15 a 25 cm de distância é a zona a que consegue focar melhor – curiosamente a distância a que está a cara da mãe quando embala o bebé.

O bebé já consegue focar a cara da mãe ou do pai, mas por pouco tempo. Interessam-lhe formas com cores fortes que estejam a menos de 1 metro dele.

Por esta altura, é comum que a coordenação visual do bebé já lhe permita seguir um objeto em movimento em torno dele (a uma velocidade lenta).

A coordenação olho-braço evoluiu e o bebé já poderá conseguir bater no objeto que vê em movimento.

Se, nesta fase, o bebé ainda não conseguir acompanhar com o olhar um objeto em movimento, fale com o médico.

A perceção de distância e profundidade melhorou imenso e o bebé mostra a compreensão do mundo tridimensional ao tentar alcançar objetos perto e longe dele.

A perceção das cores está muito mais evoluída, embora ainda não como a de um adulto.

Mesmo que afastados alguns metros, o bebé já consegue reconhecer a cara dos pais e sorrir-lhes.

O bebé já consegue ver coisas pela janela. Uau, há um mundo lá fora!

O gatinhar, que normalmente por esta altura se adquire, é mais um estímulo e ajuda no seu conhecimento do mundo e na perceção da distância pelo bebé.

A coordenação olho-mão está tão evoluída que talvez o bebé já consiga segurar um pequeno objeto entre o polegar e o indicador.

O treino para o caminhar é também um treino para o olhar, e o mundo tridimensional vai sendo visto de forma cada vez mais completa.

A visão do bebé está praticamente ao nível de um adulto.

O que é normal e o que não é normal

Distinguir problemas visuais que merecem aconselhamento médico

  • Nos casos de bebé prematuro, os marcos aqui mencionados devem ser esperados considerando a data prevista de nascimento e não a data real de nascimento.
  • As pálpebras do bebé permanecem unidas até à 26.ª semana de gestação, o que faz com que alguns bebés prematuros possam nascer com as pálpebras coladas.  Embora possa criar bastante ansiedade, é perfeitamente normal e as pálpebras descolarão sozinhas, sem necessidade de qualquer tratamento.
  • Pelos dois meses, é comum por vezes notar que os olhos não parecem trabalhar bem em conjunto, com um olho a virar mais em direção ao nariz ou, ao contrário, para fora. Na maioria dos casos, isto será normal e os olhos corrigem-se sozinhos com o tempo. Contudo, se forem notadas melhorias e o comportamento permanecer ao longo do tempo, fale com o médico.
  • Se a partir dos 4 meses o bebé ainda não conseguir seguir um objeto em movimento lento, deve aconselhar-se com o médico.
  • Garanta que os despistes de problemas de visão são feitos regularmente nas consultas de rotina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *